Viaduto do Geisel terá duas alças e investimento de R$ 30,3 milhões



O governador Ricardo Coutinho (PSB) irá assina às 15h na Secretaria de Planejamento e Obras do Estado (Suplan) a licitação para a construção do projeto do Viaduto do Geisel. O projeto nasce depois de uma longa ‘peleja’. De autoria da Suplan, do Governo do Estado, o projeto precisou de várias articulações para vir a ser concretizado a intervenção contou até a ajuda do ministro Aguinaldo Ribeiro (PP).
“Tivemos uma série de reuniões técnicas com o Dnit, que tinha um projeto também, que era parte integrante de um projeto maior que o órgão pretende fazer desde o porto de Cabedelo até a entrada de Oitizeiro. Mas o Governo Federal não tem verba para fazer isso nesse momento. É uma obra de mais de R$ 400 milhões”, explicou o secretário Ricardo Barbosa, da Suplan.


Barbosa contou ainda que houve uma longa discussão com o Dnit em Brasília e na Paraiba, que apesar de ter um projeto arrojado para toda a obra, não tinha verba para realizá-lo agora. “Nós tínhamos (verba) e ficamos quase um ano em discussão. Por fim, depois que concluímos o projeto e ficou definido que iríamos fazer a intervenção, tivemos que passar mais 4 meses para aprová-lo em Brasília e merecer uma portaria de delegação de execução do projeto, feita pelo Dnit federal”, contou o secretário.
Enfim, a obra será feita numa parceria do Governo do Estado com o Governo Federal. “A quem tributamos (o esforço para que a obra pudesse ser feita) a participação pessoal do ministro Aguinaldo Ribeiro (PP). A obra será quase que meio a meio. Custará R$ 30,3 milhões e o governo federal entrará com cerca de R$ 17 milhões, enquanto o Governo do Estado repassará R$ 13 milhões, que sairão dos cofres do tesouro estadual. No entanto, se passar desse valor o governo do estado entrará com novo aporte financeiro”, revelou Barbosa.
Como será a obra – Segundo Barbosa, “será uma das obras mais importantes e monumentais do cabedal de de obras empreendidos pela Suplan nos últimos anos”, acredita. O viaduto terá dois trevos de alça, um ligando ao Almeidão e outro para a área do Geisel, sem alterar o projeto da Central de Polícia.

Barbosa revelou que o Dnit chegou a doar o projeto que tinha feito para a obra, mas ele fazia uma “grande agressão” na área, praticamente acabando com a Central de Polícia e ainda entrando no estacionamento do Almeidão.
“Nosso projeto é confiável, o conceito do viaduto é moderníssimo, diferente daquele feito para acesso ao Aeroporto de Bayeux. Será uma obra muito bem elaborada. Teremos as alças compreendidas nesse trevo. O viaduto será em concreto armado, vai ficar solto. Será uma obra impactante e marcará a passagem do governador no Palácio da Redenção. O cronograma será de 15 meses de execução. A licitação começa no dia 25 de janeiro e a abertura dos envelopes da licitação no dia 25 de fevereiro. Em março, entre os dias 10 a 20 de março, estaremos dando ordem de serviço. O viaduto estará pronto em junho de 2015”, pontuou.
Ajustes com a PMJP – Questionado sobre as conversações com a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) sobre a obra, já que o viaduto mexe numa área delicada da cidade e precisará de apoio da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), Barbosa lembrou que todo o projeto, inicialmente, tinha sido feito em conjunto com a Prefeitura Municipal.

“O prefeito de João Pessoa, na época, era Luciano Agra (PEN) quando foi feito uma reunião com Ricardo Coutinho”, revelou. A obra estava dentro do projeto de mobilidade urbana que estava sendo pactuado no PAC para a Capital. A Paraíba foi contemplada no PAC Mobilidade, mas aí já havia o racha entre a administração municipal e a estadual.
Agora, a Prefeitura vai cuidar do BRT e o viaduto do Geisel, que era parte integrante do projeto, ficou para o Estado. “Nós conseguimos aprovar lá (em Brasília) fruto do trabalho nosso. Conseguimos aprovar isoladamente, mas o projeto tem concepção de integração com o BRT. É o mesmo projeto que seria feito antes e que estaria na parceria com João Pessoa”, garante Barbosa, deixando claro que tanto o projeto do BRT, quanto do viaduto do Geisel se comunicam entre si e têm o mesmo objetivo. 

http://www.paraiba.com.br/2014/01/23...om-brt-da-pmjp
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...