Paraibano contesta teoria da evolução

Paraibano Lança Livro que contesta teoria da evolução das espécies de Darwin O escritor paraibano, Agassiz Almeida, lançou o livro “O fenômeno humano”. Reais objetivos da viagem de Charles Darwin no H.M.S Beagle. A obra vem desmascarar a teoria da evolução humana estudada por Darwin. Charles Darwin foi o naturalista e cientista que viajou por toda costa do Pacífico e pela América do Sul abordo do navio H.M.S Beagle.

 Dessa viajem resultou a teoria da evolução das espécies através da seleção natural no século XI, teoria essa, trazida em nossos livros de biologia. ‘O Fenômeno Humano’ foi o resultado de quatro anos de estudos do escritor que escreveu uma das obras mais importantes nas últimas décadas da literatura brasileira.


Na primeira parte do livro, o ensaísta brasileiro desvenda através de quase 200 páginas, a farsa arquitetada pelo Império Britânico a fim de usurpar dos países sul americanos as riquezas destas nações recém-libertas do domínio espanhol. Para o ensaísta, com aguda inteligência Charles Darwin representa um duplo papel: agente de Sua Majestade e naturalista.

Na segunda etapa do livro o escritor contesta através de elementos e dados científicos a teoria exposta por Darwin da seleção natural como base única da evolução das espécies, e num profundo estudo contesta a teoria de que o ser humano descende do macaco, especialmente do chipanzé.

Após produzir obras como; ‘A República das elites’ e ‘A Ditadura dos generais’, consideradas clássicas como estudo sobre o elitismo e o militarismo e aclamadas por nomes como os de José Saramago, José Comblin, Ernesto Sábato e Cristovan Buarque, o ensaísta abarca com instigante análise e reflexão nos seus mais diversos aspectos, e produz esta obra de grande impacto em todo país: O Fenômeno Humano. O livro foi lançado pela editora Contexto na comemoração pelos 25 anos de sua fundação e está a venda nas principais livrarias do país.


Redação com Assessoria

Imprimir artigoGuardar como PDF
>