Valdemiro Santiago acaba de acertar a compra da CNT




 
São Paulo - O pastor Valdemiro Santiago, da Igreja Mundial do Poder de Deus, é o novo dono da rede de TV CNT. A informação é do blog Radar, de Veja, assinado pelo colunista Lauro Jardim. Com o negócio, Valdemiro passa a ter um canal na TV aberta, a exemplo de Edir Macedo, fundador da Igreja Universal do Reino de Deus e dono da Record.


Procuradas por EXAME.com, tanto a CNT quanto a Igreja Mundial não tiveram representantes localizados. Ontem, a Folha de S. Paulo havia publicado que Valdemiro estaria prestes a finalizar a transação, avaliada em 500 milhões de reais.

Ainda segundo a Folha, a Rede 21, do Grupo Bandeirantes, também estaria no radar do líder religioso, em um negócio avaliado em 700 milhões de reais. Para concretizar os investimentos, Valdemiro teria pedido uma "doação emergencial" aos fiéis pela TV, informou o jornal.

Emissora paranaense

Com sede em Curitiba, no Paraná, a rede CNT, sigla para Companhia Nacional de Televisão, surgiu das cinzas da emissora OM. Comandada pelo empresário José Carlos Martinez, a OM nasceu em 92 com a benção do governo, antes do impeachment do ex-presidente Fernando Collor de Mello.

Com o tempo, a empresa acabou atolando-se em dívidas. Para se reeguer, teve metade das ações vendidas ao ministro da Agricultura do governo Fernando Henrique, José Eduardo de Andrade Vieira, então dono do banco Bamerindus.

O controle voltou à família Martinez em 96. De lá para cá, a emissora chegou a ter apresentadores como Marília Gabriela, Adriane Galisteu e Luciano Huck na programação.

Atualmente, uma generosa fatia da sua grade já era vendida à Igreja Mundial. A CNT conta com sucursais em São Paulo, Rio de Janeiro, Londrina, Salvador e Brasília, e tem seu sinal transmitido por 48 praças no país.

Fontes
 http://exame.abril.com.br

 http://veja.abril.com.br/

Imprimir artigoGuardar como PDF
>