Anunciado concurso para técnico bancário na Caixa; edital ainda este ano

Uma das palestras mais aguardadas da 4ª Feira da Carreira Pública & Mercado de Trabalho, evento realizado pela FOLHA DIRIGIDA, na Firjan, no Centro do Rio de Janeiro, trouxe uma ótima notícia para os concurseiros. Em sua palestra "A carreira na Caixa", proferida na tarde desta quinta, 12 de setembro, o representante da Diretoria Executiva de Gestão de Pessoas e Gerente Nacional de Remuneração e Benefícios da instituição, Salomão Azulay, anunciou a abertura de um novo concurso para técnico bancário, cargo de nível médio, ainda este ano. "O nosso planejamento interno é lançar o edital até dezembro, porque ano que vem é ano eleitoral e, por isso, o prazo é curto, já que podemos contratar somente até o meio do ano. Pode ser que haja uma reformulação no processo de concurso. Por exemplo, a titulação poderá servir como classificação", explicou.



O último concurso para técnico bancário da Caixa foi realizado em 2012, sob organização da Fundação Cesgranrio. Apesar de ter sido inicialmente destinado apenas à formação de cadastro de reserva, até o início deste ano, 6.756 aprovados para o cargo já haviam sido convocados. O cargo de nível médio rompeu a barreira de um milhão de concorrentes, reunindo 1.086.514 inscritos - enquanto os três de nível superior somaram 69.958. Na ocasião, os candidatos a técnico foram avaliados por prova objetiva composta por 60 questões, sendo 30 de Conhecimentos Básicos e 30 de Conhecimentos Específicos. Em Conhecimentos Básicos, foram cobradas as matérias de Língua Portuguesa, Matemática, Atualidades, Ética, Atendimento, História e Estatuto da Caixa e Legislação Específica. Já os conteúdos específicos foram pedidos Conhecimentos Bancários e Noções de Informática. 

Houve ainda uma Redação. A remuneração para técnico é de R$2.649,24, já com R$435,16 de auxílio-alimentação/refeição, e de R$339,08 de auxílio cesta-alimentação. A contratação dos funcionários é sob regime celetista.De acordo com Azulay, até o fim do ano, a Caixa contará com cerca de 99 mil empregados. "Somos o banco brasileiro que mais contrata pessoas - a velocidade de contratação é grande. Nos últimos 12 meses, 12.500 pessoas foram contratadas, sendo mil no Rio de Janeiro (das 4.600 aprovadas no último concurso). Somos também o único banco que tem estrategia de expansão. Hoje há 63.700 pontos de atendimentos e abrimos, em média, três agências a cada dia útil. Em junho do ano passado tínhamos 89 mil agências e, em junho desde ano, passamos para 95.632", citou. O palestrante também expôs os benefícios do banco e falou sobre a importância de se construir uma carreira. "Só há três palavras que vocês não podem esquecer nesta palestra: foco, escolha e preço. Todo mundo paga um preço pelas escolhas, que são feitas de acordo com o foco de cada um. Você é dono da própria carreira. Então, é preciso assumir o próprio destino. A carreira é o caminho que se tem a trilhar", disse. Ele explicou que, apesar de haver influências externas para se fazer determinada escolha, quem tem a possibilidade de optar pela carreira é a própria pessoa. "Quando escolhemos uma carreira, acaba havendo a influência de família, finanças, amigos, trabalho, lazer, fatores físico e emocional/intelectual. Mas não depende de ninguém, quem escolhe é cada um de nós", completou.

E, para se construir essa carreira, o palestrante coloca a Caixa como um grande recurso. "O responsável pelo planejamento e desenvolvimento da carreira é a pessoa. O dever da Caixa é disponibilizar todos os instrumentos para essa carreira, recursos que apoiem o empregado na construção de uma carreira. Ao ser admitido no banco, o funcionário passa por progressão de diferenças salariais, a partir de uma avaliação por mérito, participando do plano de cargos e salários", afirmou, contando que a Caixa oferece 63 benefícios, dos quais 22 são legais e o restante é iniciativa do banco, para ser um diferencial diante do mercado atual. O diretor também mostrou que há funções gratificadas dentro da instituição. "São as atribuições de maior complexidade e responsabilidade, ocupadas em caráter transitório. Dentro dessas funções, há o plano de funções gratificadas, que, inclusive dá suporte para planejamento de trajetória profissional, com movimentação dessas funções, ou seja, o funcionário pode mudar de funções e metas dentro da Caixa. A cada três empregados do banco, dois têm função gratificada."
Folha Dirigida 
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...